Energéticos

energia

Para que serve um energético? Será que funciona mesmo? Todos os energéticos são ideais para o consumo? O excesso de energético faz mal?

Os energéticos são bebidas não alcoólicas que foram criados para o público noturno. Pessoas que após saírem de um expediente de trabalho, emendam com uma festa, ou estudam até tarde… Entretanto de uns anos para cá, o público que consome essas bebidas tem se diversificado.

Os energéticos tem como função “recarregar as baterias”, estimulando o sistema nervoso, aumentando a atenção, estimulando a liberação da adrenalina e fornecendo energia ao organismo.

A principais substância presente nesses energéticos são a cafeína, a taurina e o inositol.

Embora essas bebidas garantam uma dose extra de energia, elas são bastante calórias, inadequadas para quem quer perder peso, possuem uma grande quantidade de cafeína, açúcar, sódio e outros ingredientes que podem levar a sérios efeitos colaterais quando consumidas em excesso. Entre esses efeitos estão a insônia, a aceleração ou a irregularidade dos batimentos cardíacos, a irritabilidade, a agitação, entre outros. O excesso de açúcar e sódio dessas bebidas pode ajudar a desenvolver a obesidade e hipertensão.

Por ser uma bebida diurética, o energético não hidrata o corpo, ao contrario; ela estimula o organismo a eliminar líquido. Quando são consumidas em combinação com álcool, os energéticos provocam aumento da adrenalina, palpitações, suor e dependendo da quantidade ingerida, podem levar à desidratação rápida, já que as duas bebidas são diuréticas.

 Um energético ingerido em jejum pode comprometer as funções do estômago e de todo o aparelho digestivo, além de potencializar os efeitos da bebida na medida em que a sua absorção se torna mais rápida e os efeitos mais intensos.

Uma alimentação equilibrada fornece energia suficiente para o seu organismo aguentar a sua rotina de atividades. Diversos alimentos (atum, sardinha, aspargos, couve, pepino, vagem, rabanete, abóbora, repolho, batata doce, berinjela, iogurte, laranja, cenoura, tomate, morango, gérmen de trigo, tofu, frango, melão, mamão e abacaxi) podem fazer parte do nosso cardápio, proporcionando o seu bem-estar e disposição.

Deixe para consumir as bebidas energéticas  esporadicamente, em caso de exceção,  quando realmente for necessário recorrer a algum estímulo artificial para se manter  mais alerta do que o normal.

Você pode gostar...

1 Resultado

  1. Lucia Freitas disse:

    Parabéns pelo seu trabalho! Realmente é preciso falar claramente sobre o açúcar q esta escondido nas embalagens. As pessoas acham q vao consumir saúde e se prejudicam. Fiquei encantada com as informações. Nao estou conseguindo encontrar sua pagina no face e no instangran tambem parece ser de difícil acesso. Por favor gostaria de ter acesso às suas postagem.
    Grata
    Lucia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *